domingo, 7 de junho de 2009

Winds of Friendship

É dificil escrever uma coisa da qual não sabemos ao certo e que nos faz confusão ao falarmos sobre ela.
Transmites-me paz.
Desde o primeiro dia em que falei contigo notei o peso que suportavas. Era como se tivesses presa dentro de ti mesma, mas ao contrário de muitas pessoas, tu não querias sair (não sei se é bem isso...). És parecida comigo, apesar de não parecer xD!

Neste momento estou um bocado perdida nos meus próprios pensamentos, tou quase literalmente a afogar-me num mar cheio deles -_-", então é dificil escrever algo com muito significado ou lembrar-me de coisas importantes.

Back to you
Confio em ti, algo me diz para o fazer. Sei que precisas de alguém que nunca te traia seja de que maneira for, e eu sei que sou incapaz de o fazer.
Por mais estranho que pareça sinto que devo tomar conta de ti O_o...não me leves a mal, mas preocupo-me muito muito contigo.
Sei que queres alguém e que procuras alguém que te faça viver e te mostre as coisas lindas que a vida tem..e eu acho que consigo. Achei em ti a calma e a inocência que pensei que nos dias de hoje já se tivesse esgotado...


Acho que vou escrever isto tudo amanha. Foram pensamentos muito vagos :S, escrevi quase tudo o que me veio á cabeça mesmo o que não fazia sentido. Desculpa se a lamexisse encharcou o teu pc... xD não foi de propósito.
Postar um comentário