terça-feira, 15 de março de 2011

Não durmo para sonhar, vivo sonhando...

Nunca me consegui inserir em nada, acho que sou boa pelo menos a sentir-me desconfortável. Já tentei ensaiar um sorriso, e aposto que todos notaram o quão falso ele era. Tentei ser melhor, falar melhor, conversar melhor, mas acho que todos estranharam, o que tornou tudo ainda mais absurdo. Fiquei então sem saber o que fazer. Tentei abrir-me com alguém, mesmo apesar de odiar fazê-lo. Notei ao longo do tempo(após anos de observação), que é isso que todos parecem mais fazer...e arrependi-me :D. Talvez esperasse mais qualquer coisa, talvez não tivesse dito aquilo de maneira a que a pessoa me levasse a sério e realmente entendesse aquele fardo que á muito sozinha carrego. Sentindo-me estúpida, envergonhada e com vontade de vomitar afastei-me da pessoa. Nunca me inseri, e odeio sentir-me constantemente desconfortável. Ás vezes consigo imitar pessoas que idealizo como sendo sociáveis,e resulta. Resulta melhor quando não sou eu, mas sim ela. E assim fiz mais uma "eu", que provavelmente irei também odiar, pois ela tem tudo o que eu não tenho, e tudo o que eu mais quero.
Postar um comentário