terça-feira, 6 de julho de 2010

Zora Howard Dear Son




Nem me atrevo a tentar traduzir este poema com medo de lhe roubar todo o seu significado, mas fica aqui para vocês verem e ouvirem.
Postar um comentário